sexta-feira, 24 de outubro de 2014

ADEUS ESTRESSE!

Você já notou que o dia parece ter cada vez menos horas? As ruas mais carros?
Estamos sempre correndo e, mesmo assim, parece que falta tempo para tudo… almoçamos com pressa e nem sentimos o gosto da comida direito.
Mas e a nossa saúde? Cadê o sossego? A privacidade? Estamos cada vez mais ligados, conectados, num caminho que pode levar facilmente ao estresse. Mas tem como sair dele!
Agora respire fundo e relaxe. Para ajudar a lidar com a pressão do dia a dia existe tratamento eficaz e sem medicamento.
O tratamento inclui sessões de Acupuntura, Reiki, Reflexologia podal (massagem terapêutica nos pés) e a antiga Sabedoria Oriental que é a sabedoria do bem viver.  Esses recursos trabalham o reequilíbrio físico, mental e energético, produzindo uma sensação total de relaxamento e bem-estar geral e, ao mesmo tempo, reestabelecendo o vigor e a energia ao corpo.

Como saber se eu estou estressado? 
Pare e preste atenção em você. Faça a seguinte pergunta: "como eu me sinto?" 
Estes são alguns dos sintomas que podemos sentir quando ficamos a maior parte do tempo estressados, se você se identificar com quatro ou mais sintomas, isso significa que seu nível de estresse está alto:
• Cansaço, falta de ânimo;
• Mau humor;
• Depressão;
• Ansiedade;
• Ombros contraídos;
• Dor ou tensão nas costas;
• Aperto de mandíbula;
• Tensão ou dor na nuca;
• Dores de cabeça;
• Hiperacidez estomacal (azia);
• Irritação excessiva;
• Boca seca;
•Taquicardia, ou coração batendo rápido demais;
• Suor excessivo;
• Mãos ou pés frios;
• Respiração ofegante;
• Desorganização e falta de memória não sabendo onde colocou as coisas.
https://www.facebook.com/tratamentosorientais


terça-feira, 14 de outubro de 2014

Vivência de Práticas Integrativas e Complementares em Saúde

Laboratório de Arteterapia- Guti Fraga
No dia 07 de outubro foi realizada no Espaço da Criatividade uma vivência de Práticas Integrativas e Complementares em Saúde com a participação dos estudantes da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). As atividades foram coordenadas por Guti Fraga, diretora e criadora do Espaço da Criatividade. A vivência faz parte do conteúdo programático da disciplina de Práticas Integrativas e Complementares em Saúde da Escola de Enfermagem UFRGS, coordenada pela professora  Gema Conte Piccinini e do projeto de extensão Teko Porã da UFRGS, coordenado pela professora  Maria Gabriela Curubeto Godoy.
Os estudantes tiveram a oportunidade de conhecer nossa Galeria de Arte, salas de Consultório Holístico e de Práticas de Medicina Oriental, Laboratório de Arteterapia e Holomúsica. Também participaram de dinâmicas holísticas, de exercícios de respiração, meditação, roda de tambor, confecção de mandalas e demonstração de sessão de cristalterapia e de gua sha facial.
Laboratório de Arteterapia-Confecção de Mandalas
Laboratório de Arteterapia-Confecção de Mandalas
Laboratório de Arteterapia-Confecção de Mandalas
Laboratório de Arteterapia-Confecção de Mandalas
Laboratório de Gostos e Sabores
Laboratório de Gostos e Sabores
Laboratório de Gostos e Sabores 
Vivência de Auto Reiki
Vivência de Auto Reiki
Vivência de Auto Reiki
Vivência de Auto Reiki
Holomúsica-Roda de Tambor
Holomúsica-Roda de Tambor
Consultório de Medicina Oriental-Aplicação de Acupuntura Coreana




segunda-feira, 29 de setembro de 2014

Gua Sha para desintoxicar e manter a saúde

Gua Sha ou Raspadura Terapêutica é um método de terapia não-invasiva que segue os princípios da Medicina Oriental. Essa técnica pouco difundida no Brasil é muito eficaz e serve como diagnóstico, tratamento e prevenção de enfermidades.

Na aplicação da técnica do Gua Sha são utilizadas espátulas medicinais de pedra Jade para estimular determinadas áreas da pele de acordo com os canais de energia do corpo (meridianos). 
O objetivo dessa técnica é melhorar a circulação e acelerar processos metabólicos. Através das manobras suaves de ”raspagem” é removida a estagnação de toxinas. Como consequência, é obtido alívio da dor e controle de enfermidades de origem musculoesquelética, respiratória e digestiva.
O método que utilizamos para a aplicação do Gua Sha é indolor e não deixa marcas.
https://www.facebook.com/tratamentosorientais

terça-feira, 23 de setembro de 2014

RODA DE TAMBOR

O som do tambor é semelhante ao som do coração. A batida está dentro de nós, no nosso coração. Trazer esta batida para fora no tambor é exteriorizar nossas emoções vibrando para fora do corpo. Na roda de tambor, as pessoas tocam diversos instrumentos percussivos, sentindo a força da música, a fluidez do ritmo e a alegria do grupo.  
A roda de tambores segue os preceitos do movimento da Música Recreativa que preconiza apoio à expressão pessoal utilizando um instrumento musical. Permite a auto-expressão, a criação e orientação intuitiva por parte dos facilitadores, tendo como objetivo compartilhar e unificar os participantes, instaurando um ambiente de bem- estar. É uma ferramenta inovadora com conceitos holomusicais que tem como função desenvolver e criar canais de comunicação entre as pessoas.
Uma das mais antigas formas de integração e criação social é através do ato de tocar instrumentos percussivos em roda. Recriar esse ambiente proporciona aos participantes uma grande sensação de integração, alegria, paz e harmonia.Trata-se de uma ferramenta que abrange atividades musicais acessíveis e efetivas, colocando as pessoas em sintonia sem distinção de habilidades musicais pré estabelecidas, de sexo, de etnia ou de status social.
Relaxados e sob o estímulo dos tambores, nossas ondas cerebrais atingem frequências mentais muito lentas, similares as do estado de meditação profunda.Todos os seres humanos após alguns minutos submetidos a específicas batidas de tambor, alcançam a frequência mental Teta, similar a que vivemos enquanto sonhamos, o que nos permite acessar territórios do inconsciente e relaxar. A roda de tambor é mais um agente auxiliar para alcançarmos um estado de harmonia e voltarmos para o nosso coração.

quarta-feira, 17 de setembro de 2014

GUA SHA

“Rejuvenescer é revitalizar e energizar.”

O Gua Sha (GUA significa raspar e SHA significa toxinas) é uma técnica da medicina oriental utilizada com intuito de amenizar ou curar várias patologias e de rejuvenescimento facial.
O Gua Sha previne e trata os sinais de envelhecimento, como rugas, flacidez, olheiras e promove  o rejuvenescimento da pele em geral de dentro para fora. Gua Sha é uma técnica precisa, que inclui o uso de uma espátula medicinal de jade para massagear suavemente, manipular e estimular pontos específicos de energia ao longo do rosto e do corpo, com um movimento de "raspagem", que ajuda a quebrar a estagnação do sangue, liberar as toxinas, promover a drenagem linfática e a produção de colágeno. É indicado também no tratamento de rinite, sinusite, paralisia facial, fibromialgia, dores de cabeça, pescoço e face.

Benefícios:
  • Tonifica e relaxa os músculos faciais;
  • Reduz as rugas;
  • Elimina as toxinas;
  • Relaxa o corpo e a mente;
  • Indolor;
  • Sem marcas.

Contra-indicações: tumores malignos ou benignos, eczemas, psoríase, fragilidade capilar, edemas pós-mastectomia, tromboflebite, gravidez, furúnculos, abcessos, herpes  zoster.
https://www.facebook.com/tratamentosorientais